É preciso mudar os hábitos em relação a aquecedores a gás para evitar tragédias

Marcio Rachkorsky diz que para que acidentes como o ocorrido em Santo André não se repitam, a orientação é chamar uma empresa certificada na hora de instalar o equipamento, fazer manutenção periódica, avisar sobre qualquer cheiro de gás no prédio e deixar sempre uma parte das janelas aberta. Segundo ele, o mais recomendado seria o próprio condomínio contratar um profissional que passe de apartamento em apartamento para fazer as vistoria nos aparelhos.

Ouça: